27 setembro 2016

PERU - SOL Y LUNA LODGE & SPA, UM HOTEL DOS SONHOS NO MEIO DO VALE SAGRADO

0 comentários
Enrolo para escrever esse post há séculos, pois, juro, não sei se serei capaz de descrever o quanto incrível e bonito o Sol y Luna Lodge e Spa em Urubamba é. Mas vamos a minha tentativa, rs.

Meu encanto começou com a localização, o hotel fica exatamente no meio do Vale Sagrado, cercado por enormes montanhas, próximo ao rio Urubamba. De um lado vemos as montanhas desérticas onde ficam as Salinas de Maras, bem marrons e do outro vemos montanhas bem verdinhas, a diferença é impressionante e deixa a paisagem incrível.



O Hotel Sol y Luna possui 44 chalés espalhados por um enorme e florido jardim. Eles estão divididos em 3 categorias:
As Casitas Superiores, que tem terraço privado com vista para os jardins, banheiro em mármore, aquecimento, wifi, cofre e uma estação de trabalho.




As Casitas Deluxe, que possuem 102m² de área, tem tudo que a superior tem e mais banheira com vista para as montanhas, terraço privado, closet, tv de tela plana com tv a cabo, lareira, piso aquecido, caixinha de som para IPod/IPhone e  mini bar.












E as Casitas Premium, com 120m² e mais hall de entrada, sala, quarto, 2 tvs, jacuzzi no terraço e acesso preferencial aos serviços do hotel como o spa e os restaurantes.





Todas são muitíssimo bem decoradas em estilo rústico com murais pintados pelo famoso artista peruano Federico Bauer e ainda tem amenities L'Occitane e alguns mimos de boas vindas do hotel.


Nos hospedamos em uma Casita Deluxe que era um verdadeiro sonho, a vista de todas as janelas era deslumbrante, sem dúvidas, acordar e relaxar em uma banheira olhando para as montanhas foi uma experiência inesquecível.

Outro ponto positivo do Hotel Sol y Luna é o impecável serviço. Todos no hotel são simpáticos e solícitos, sempre estão prontos pra ajudar. Basta você sair alguns minutos do quarto para que uma gentileza seja feita, mas o maior luxo de todos, sem dúvidas, era retornar ao quarto a noite e encontrar a lareira acesa, a cama arrumada e quentinha graças a bolsa d'água quente era colocada ali todos os dias. Que delícia!!



A área comum do Hotel Sol y Luna conta com um centro de convenções, piscina, um spa com jacuzzi e salas para massagens, dois restaurantes e um bar.





 O  Killa Wasi fica dentro do hotel, mas também aceita reservas de não hóspedes. É no restaurante que o café da manhã é servido e a noite ele funciona com um cardápio a la carte com pratos da culinária internacional.





O Wayra funciona em uma espécie de rancho localizado ao lado do hotel, alem do restaurante que serve clássicos da culinária peruana, o local ainda funciona como um centro cultural onde é possível aprender mais sobre a região, fazer cursos de cerâmica, gastronomia e ainda realizar alguns passeios como cavalgadas. No almoço a especialidade da casa é o churrasco peruano servido ao ar livre no sistema de buffet, já no jantar o serviço funciona a la carte e no cardápio estão pratos como o ceviche e lomo saltado.




Durante a noite o Wayra também recebe algumas atrações para entreter os hóspedes, em uma das noites fomos assistir o circo que foi bem divertido.


Urubamba e o Hotel Sol y Luna deixaram saudades! A região é menos conhecida e explorada pelos turistas, mas é um destino incrível para quem busca alguns dias de descanso com muita tranquilidade. É também uma ótima alternativa a Cuzco para quem busca uma cidade base para visitar Machu Pichu, afinal, fica bem perto de Ollantaytambo, onde sai o trem para a Aguas Calientes.

Hotel Sol y Luna
Fundo Huincho lote A-5, Urubamba – Cusco.
Tel: ++51 84 608930 / ++51 84 608931
fax: ++51 84 608937.
E-mail: info@hotelsolyluna.com

26 setembro 2016

PERU - ONDE COMER EM URUBAMBA - KAIA SHENAI

0 comentários
Urubamba é uma pequena cidade no meio do Vale Sagrado, mas ainda assim possui ótimas opções de restaurantes. Comemos muitíssimo bem nos dias que passamos lá graças as dicas que pegamos no Trip Advisor - site que eu sempre uso quando viajo e me salva de muitas armadilhas - e agora divido nossos acertos aqui com vocês!

Kaia Café
Apesar de ser uma cidade bem simples, a não ser que você seja muito aventureiro e corajoso, comer em Urubamba não é tão baratinho quanto eu imaginava, pelo contrário, com a cotação atual, achei os preços relativamente caros pelo nível da comida e dos lugares que fomos, por esse motivo acabamos mais de uma vez no Kaia Café, um café hippie que serve uma comida mais natural e saudável e tem preços ok.
O clima do Kaia é bem relax, bem hippie mesmo, o foco do cardápio são pratos vegetarianos e veganos, mas há um ou outra opção com proteína animal.
Durante o almoço eles tem um menu com suco, entrada e prato principal, em um dos dias foi a nossa opção. A comida é simples, mas incrivelmente saborosa.

Começamos com uma sopinha de abóbora.

E eu fui de Pollo a la Huancaìna, um frango gralhado com molho huancaina, à base de queijo cremoso e ají amarillo, saladinha e as deliciosas batatas andinas fritas.

Já a Babi foi de Veggie Burger no prato com os mesmos acompanhamentos.

O Kaia fica aberto o dia todo e também é uma ótima opção para um lanche. Em outra visita provamos o delicioso chá de coca com mel e limão e um brownie vegano, bem gostoso, porem caro, saiu por volta de uns R$25 reais.



25 setembro 2016

NINA E GELLY TURISTANDO - 3 LUGARES PARA CONHECER NO CENTRO DE SP

0 comentários
Já contei pra vocês aqui que eu e a Nina do Treats and Trips criamos o Nina e Gelly Por Aí pra dividir ainda mais dicas com vocês e essa semana foi ao ar o primeiro #NinaeGellyTuristando, onde vamos mostrar mini roteiros na cidade de São Paulo!  No vídeo de hoje a ideia é ter uma tarde descontraída no Centro de São Paulo, uma região “esquecida” por muitos, mas com vários pontos interessantes a serem explorados!



Primeira Parada: Edifício Martinelli






De 1929, foi o primeiro arranha-céu da cidade, construído por Giuseppe Martinelli que enfrentou muita polêmica para concluir o seu projeto. Hoje, o prédio é aberto para visitas gratuitas de segunda à sexta-feira, 9h30 às 11h30 e das 14h às 16h. Programe-se para um dia de sol, pois a vista é linda!

Mais informações: www.prediomartinelli.com.br

Segunda Parada: Casa Mathilde


Quem não gosta de um bom doce português? A Casa Mathilde está a apenas alguns passos do Edifício Martinelli, aproveite para se deliciar na bancada gigantesca de opções (e leve um pouquinho para casa), sente, tome um café tranquilamente e não deixe de provar o delicioso Pastel de Nata! Ganhou como Melhor Doceria de São Paulo em 2013/2014, é um lugar que deixará sua visita ao centro ainda mais doce.

www.casamathilde.com.br


Terceira Parada: Bar do Léo

Encerre o seu dia no famoso Bar do Léo, inaugurado em 1940, que por muitos e muitos anos foi considerado o melhor chopp da cidade.

Os famosos bolinhos de carne e os canapés variados.
O excelente Filé à Parmegiana.
E pudim apara encerrar!!
Eu já esperava que o Chopp fosse muito bom, mas o que realmente me surpreendeu foram as comidas, uma melhor que a outra e com porções bem generosas. Não deixe de provar o Filé à Parmegiana (eles cortaram um uma colher!) e o delicioso Pudim de Leite Condensando. Tem forma melhor de terminar uma visita ao centro do que com um bom Happy Hour?

www.barleo.com.br

Espero que vocês gostem das dicas, façam o mesmo passeio e se divirtam tanto como a gente!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Blog da Gelly Copyright © 2012 Design by Cantinho do Blog Blogger Template